skip to Main Content

A madeira como protagonista de projetos de interiores

A madeira se destaca por sua grande qualidade, durabilidade, sustentabilidade e versatilidade. Ela pode ser usada em paredes, tetos, fachadas, móveis, objetos, revestimentos, decks, pergolados, guarda-corpos, painéis, bancos de jardim e muito mais! 

No entanto, o principal motivo do protagonismo da madeira em projetos de interiores é a sensação de aconchego que ela leva para os ambientes, deixando os espaços mais calorosos e acolhedores não somente para o dono, mas também para os visitantes.  

De fácil combinação, muitas vezes ela é usada para quebrar a “europeidade” dos ambientes que se apresentam de forma fria. Note que, muitas vezes, as decorações afetivas sempre possuem madeira em sua composição.

Uso da madeira na arquitetura

A madeira foi e continua sendo um dos principais materiais utilizados pela humanidade. Inclusive, historiadores acreditam que as primeiras habitações de madeira foram construídas entre 450.000 e 380.000 a.C. O povo chinês foi pioneiro no uso da madeira na arquitetura.

A madeira é uma ótima escolha como material de construção para quem quer um ambiente caloroso, versátil e sustentável. O aço, o tijolo, o concreto e outros componentes consomem muito mais energia para a sua produção, aumentando em grande escala a emissão de gases e prejudicando a camada de ozônio. 

Se bem reciclada e renovada, a madeira pode tornar-se uma fonte inesgotável de matéria-prima para uso não somente na arquitetura, mas também na decoração. Além disso, a madeira é um ótimo isolante térmico e acústico, além de possuir fundação menos robusta, resistência ao fogo, reciclabilidade, custo reduzido e garante economia de tempo na hora da construção de seu projeto.

A madeira em projetos de arquitetura aparece normalmente em:

  • Acabamentos internos como rodapés, venezianas, janelas, portas, escadas e divisórias;
  • Assoalhos, pisos de madeira, tacos e parquetes;
  • Telhados, forros e beirais;
  • Estruturas como esquadrias, pérgulas, ripas, fachadas e decks.

O Design Biofílico, ou seja, a busca pela conexão do ser humano com a natureza, fez com que as pessoas procurassem não somente plantas, mas também casas e móveis em madeira. Além de aumentar o bem-estar físico e mental, ambientes com Design Biofílico estimulam a criatividade e trazem aconchego para os espaços.

Um dos principais desafios de quem quer utilizar a madeira em projetos de arquitetura e design é o trabalho com mão de obra especializada, já que devido aos diversos tipos de madeiras existentes, cada um possui suas particularidades na hora de manusear. Então, conheça bem o seu uso e aplicabilidade para não passar sufoco em seu projeto!

Uso da madeira na decoração

Muitas vezes, um simples objeto ou móvel em madeira já leva um ar diferente para o ambiente devido a capacidade do material de trazer aconchego, sofisticação e versatilidade em suas diferentes formas. 

Na hora de projetarmos o uso da madeira na decoração, devemos lembrar que por ser um material versátil, ela pode se encaixar com facilidade em quase qualquer ambiente e material. Vamos te dar algumas dicas de como a madeira se mistura e se destaca!

  • Madeira e couro! Suas texturas naturais se conectam. Com a escolha correta da tonalidade dos dois, eles ornam-se muito bem;
  • Tapetes são ótima pedida na hora de decorar ambientes com madeira! Caso a madeira seja de tonalidade escura, invista em um tapete mais claro para criar contraste. Tapetes em fibras naturais combinados com a madeira são uma ótima opção;
  • Móveis retrô com a madeira? Sim! Objetos que contam histórias e material que passa conforto dão match na hora;
  • Tons escuros são sinônimos de sofisticação! Você pode combinar os tons escuros da madeira com o preto: as cores são perfeitas para ambientes como salas de reunião e escritórios;
  • Escolha um tom de madeira dominante e depois trabalhe com tons semelhantes! Lembre-se que os tons de madeira se dividem em dois grupos: tons quentes e tons frios;
  • Adicione outras cores ao espaço que tenha madeira! Você pode fazer isso escolhendo sofás com tecido colorido, além de quadros e até mesmo plantas.

Claro que nada aqui é regra. As dicas acima funcionam em quase todos os ambientes, mas lembre-se que, no fim do dia, o importante é que o projeto atenda às necessidades de quem vai viver ou frequentar o espaço! 

Fimma e Movelsul juntas em 2022

A madeira e toda a sua versatilidade podem ser vistas em diversos expositores durante a Fimma e a Movelsul de 2022. As duas feiras acontecem juntas pela primeira vez na história em Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha, de 14 a 17 de março. Toda a cadeia de madeira e móveis deve se reunir na cidade que é considerada o maior destino enoturístico do Brasil. 

Veja mais informações sobre a Movelsul.

O polo moveleiro de Bento Gonçalves é o principal do país em número de empresas e peças produzidas. 

Confira mais detalhes sobre a Fimma

Acesse aqui outras novidades destinadas aos profissionais do setor de móveis e madeira!

Back To Top